Biografia

UBERTO A. A. DA GAMA

BRIEF RESUMÉ

Grão-Mestre Uberto A. A. Da Gama, 50 anos



Mestre Uberto Gama,
50 anos, é o atual Supremo Presidente da Ordem Filosófica Mundial Vidya Yoga Ashram, cujo nome oficial no registro de nascimento é  UBERTO AFONSO ALBUQUERQUE DA GAMA, e nome iniciático de Shri Swami Vyaghra Yogi. Nasceu em 23 de Julho de 1962, sob o signo de Leão com ascendente em Aquário. Foi o filho mais velho do médico estomatologista e odontólogo, Dr. Fábio Albuquerque da Gama, no seu segundo casamento, com a Dona Margarida Ugolini da Gama.


Dedica-se ao magistério filosófico-espiritual desde 1980. É faixa-preta 7o. Dan em Hapkido e Taekwondo pela The World Olympic Hapkido Federation; 5o. Dan de Hapkido reconhecido pela entidade Combat Hapkido Federation (USA); Faixa-Preta 5o. Dan de Taekwondo reconhecido pela escola Song Do Kwan e Chang Moo Kwan;  faixa-preta 4Dan pela World Kido Federation (KOREA/USA).

É filósofo, educador, escritor, psicanalista, mestre em Yoga e profissional de Educação Física, registrado no Conselho Regional de Educação Física (CREF 14.394/PR) e no Conselho Mundial de Vidya Yoga (CMY 210653/94). Possui o título de Doutor em Filosofia Sagrada pela World University (EUA) e Doutor Honoris Causa em Filosofia da Educação e Reformador do Sistema de Vidya Yoga Mundial (INDIA) pela World Development Parliament (Vishwa Unnyayan Samsad, New Delhi). Atualmente (2011) recebeu o diploma de Doutorado Honoris Causa pela University of Cambridge (UK) em Educação Física. É ainda chanceler educacional com Status Legal Authority Lifetime do Vishwa Unnyayan Samsad (INDIA). Doutor Honorário em Filosofia da Educação pela World Development Parliament (INDIA). Membro consultor honorário do Institute des Affaires Internationales (FRANCE), nomeado pelo Prof. Dr. Rodny Daniel. Foi ex-instrutor da Escola de Polícia Civil do Paraná (Vila Isabel, Curitiba). Recebeu o Prêmio Active Life Style Award, diploma assinado pelo Presidente Americano Sr. Barack Obama. Tem Menção UNESCO de Mensageiro da Paz e Não-Violência (PARIS). É registrado na Aliança Mundial de Artes Marciais sob numero 322.901 (Lifetime – USA). É Membro Honorário do Hinduism Today Sat Sangha (INDIA e HAWAII). É registrado no Conselho Mundial de Vidya Yoga CMY 210.653/94. É mestre em Yogaterapia pela Associação Internacional de Yogaterapia (USA) Reg. 26.876 e Psicanalista com registro na ANIPSI Reg. no. PR/550.2012-R5.

UBERTO AFONSO ALBUQUERQUE DA GAMA nasceu em Curitiba em 1962. É conhecido como “Mestre Uberto Gama”. Trabalha com Filosofia Oriental, Yoga e Artes Marciais há mais de 33 anos.

O interesse pelas artes marciais e pela filosofia oriental começou muito cedo, aos 10 anos de idade. Treinou sozinho desde os 10 anos de idade e teve estreito contato com a colônia oriental desde a infância. Teve alguns instrutores e mestres que o influenciaram positivamente na sua busca espiritual. Foi iniciado no Taekwondo pelos Mestres Myong Jae Han e Hee Song Kim, hoje atuantes na Câmara de Comércio Brasil-Coréia, junto com Mestre Kang Hong Soon.

 

BRASÃO DA FAMILIA

UBERTO A. A. DA GAMA herdou oficialmente dois dos sobrenomes mais antigos de
Portugal: ALBUQUERQUE e DA GAMA. Carrega também em suas veias o sangue italiano da família dos UGOLÍNI, que tem muita honra. Respectivamente ao sobrenome GAMA, o nobre Álvares Anes da Gama recebeu o título de cavaleiro nobre e honrado, pelos seus atos, e foi contemporâneo de Dom Affonso III, que vivia em Olivença. Descendente destes, vem Vasco da Gama, descobridor do caminho marítimo para a Índia, transformado em 1º conde da Vidigueira, o qual recebeu o título de Dom, e que foram acrescentadas as armas. Vasco da Gama, mais tarde, observou que na Índia também havia um apelido similar com ‘dois M’, GAMMA, milenar. O Brasão da FAMÍLIA DOS GAMA está na Sala dos Brasões da Casa de Sintra, na cidade de Sintra, Portugal. No teto desta sala encontram-se os Brasões das famílias mais antigas de Portugal. Respectivamente ao sobrenome ALBUQUERQUE, constitui a família de um dos mais ilustres ramos da linhagem dos ‘DE MENESES’, que remonta à Alta Idade Média e é uma das quatro mais nobres de toda a Península.

Avós Paternos

AVÓS PATERNOS: AFONSO DE SÁ GAMA, baiano, coronel da Polícia Militar da Bahia e MARIA BIRMAN DA GAMA, alemã, do lar, e filhos.


AVÓS MATERNOS: UBERTO UGOLINI, imigrante italiano, agricultor e FLORIZA RAMOS UGOLINI, portuguesa, do lar

Parentes com quem conviveu:

Tio Luiz Ferreira França e tia Alvina Teresa França.


Tio Orlando Ugolini e tia Hulda Merlin Ugolini.


Tia Eloisa Sterza Domingues Ugolini.


O casal Fábio e Margarida com Uberto

PAIS: MARGARIDA UGOLINI DA GAMA, minha mãe querida. FÁBIO ALBUQUERQUE DA GAMA, meu amado pai. Dr Fábio formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Paraná e especializou-se em Estomatologia. Era dentista também. Sua clientela era grande. Foi presidente de vários clubes em Curitiba, como o Thalia, Concórdia e Curitibano. Era Tenente do Exército Brasileiro e atendia em sua própria clínica na Rua Emiliano Perneta, 342, no térreo. Era um sobrado muito grande e nossa família morava na parte superior. Fábio Gama foi um homem muito bom e generoso. Seu exemplo foi muito importante para a vida de Uberto. Margarida sempre foi do lar, uma mãe muito boa, presente e dedicada. Nasceu numa família italiana maravilhosa chamada UGOLINI.

Meu pai (de óculos), Dr. Fábio Albuquerque da Gama; Dr. Sebastião Darcanchy; e o ilustre Dr. Bento Munhoz da Rocha Neto. Os três sempre juntos e amigos.

 

 

Desde a tenra idade, Uberto se interessou por assuntos esotéricos, filosofia oriental e religiões. Começou seus estudos aos 6 anos de idade, matriculado no Grupo Escolar Barão do Rio Branco. Terminou o primário aos 10 anos de idade.

Prof. José Hermógenes de Andrade

Seu primeiro contato com o YOGA foi somente aos 10 anos de idade, quando, após ter lido o livro ‘Autoperfeição com Hatha Yoga’, do eminente professor Hermógenes, uma das autoridades do Yoga no Brasil, e de outros autores, parou de comer carne radicalmente e gerou um atrito grande em sua casa com seu pai e sua mãe.

Aos 11 anos de idade, passou a estudar no Colégio Militar e depois no Colégio da Polícia Militar do Paraná. Perdeu tragicamente seu pai aos 10 para 11 anos, em 1973. Após, foi levado para morar em São Paulo por um período de 1 ano com seus tios maternos, Orlando e Hulda. Durante a sua estada em São Paulo, em alguns dias da semana acompanhava seu tio Orlando no trabalho na companhia de Seguros Itapetininga, onde ficava brincando numa máquina de escrever, e em outros, a sua tia Hulda no trabalho no cartório da rua Quintino Bocaiúva, onde ficava levando e trazendo papéis como mensageiro interno. Acostumou-se a gostar de papéis e documentos, aprendeu a datilografar e a atender telefone no cartório. Foi um período bom e importante para desfocar a atenção do falecimento do pai e a tristeza profunda que ficou gravada em seu coração.

Ao retornar para Curitiba, tempos depois, passou a estudar no Colégio Novo Ateneu e começou a se interessar muito por Kung Fu, ginástica olímpica e ler sobre Budismo. Reprovou duas vezes na sua vida estudantil. Estudou mais tarde no Colégio Positivo em Curitiba.

Na sua busca espiritual, desde o falecimento de seu pai, Uberto abandonou o Catolicismo, dos 11 para os 12 anos de idade, por insatisfação nas respostas obtidas, pelo que leu na história, e motivou-se pela necessidade de conhecer e vivenciar outros caminhos da verdade.

Estudou na Ordem dos Essênios praticando o Cristianismo ecumênico; praticou o Budismo, depois entrou na Sociedade de Hare Krishna. Também foi Espírita e frequentou a Umbanda por um curto período de tempo; tornou-se membro da Ordem Rosacruz, depois da Eubiose e outras filosofias esotéricas, entrando e saindo, buscando o caminho que o preenchesse mais. Estudou no Centro Rajneesh em Curitiba; praticou magia e alquimia, tarologia, astrologia, entre outras artes.

 Aos 13 anos de idade, na 7ª série do 1º Grau, entrou para a Comunidade Zen-Budista e começou a praticar zazen e ler o evangelho de Buddha, meditando todos os dias às 6h30 da manhã no templo. Começou a interessar-se muito por filmes de artes marciais e por conhecer o Yoga. Em sua vida estudantil, passou vários bons colégios, mas sua atenção era sempre voltada para história, filosofia, religião, ginástica olímpica e artes marciais.

Ainda aos 13 anos de idade, comprou livros e começou a praticar sozinho em casa, pois não tinha dinheiro para freqüentar uma academia ou uma escola especializada em lutas. Seus parentes achavam seu comportamento, muitas vezes, estranho, pois passava horas lendo sobre filosofia e religião e meditando. Certa vez, um de seus tios, ao visitar sua mãe, encontraram-no deitado no quintal de sua casa sobre uma cama de pregos (Pranali) confeccionada por ele mesmo com restos de madeiras e pregos. Foi levado para consultas médicas e psicológicas para avaliação do comportamento, tendo sido declarado em perfeito estado de saúde física e mental.

Uberto, aos 16 anos, quando estava na faixa vermelha, fazendo treinamento com João Barbosa, 28 anos. Teve a oportunidade de começar a praticar Judô com o próprio Mestre Yamamoto, na praça Zacarias, em Curitiba, indicado por um amigo, José Edu Moraes. Chegou a faixa marrom de judô e passou a ministrar algumas aulas como estagiário na Academia Budokan, junto com outros colegas.

Em 1975, a Editora Brasil-América (EBAL), lançava uma revista intitulada “KUNG FU”, a qual começou a circular mensalmente. A revista continha um encarte denominado “APRENDA TAEKWONDO“, do Mestre Woo-Jae Lee e do Prof. Luiz Eugênio Bezerra Mergulhão Filho. Fascinado com as técnicas,  Uberto praticava com uma espontaneidade muito grande e passara a comprar mensalmente todos os exemplares e encadernar toda a coleção, estudando Taekwondo sozinho. Ao final de um ano se propôs a fazer contato por correspondência com alguns mestres coreanos que chegavam ao Brasil, sendo que o primeiro a lhe responder por escrito foi o Mestre Sang Min Cho, na época 7º Dan de Taekwondo e Hapkido, e introdutor da arte no Brasil, na cidade de São Paulo. Vendo a motivação do menino Uberto, o Mestre Cho aceitou-o para as práticas de Taekwondo na primeira academia desta arte na praça da Liberdade.

Eis algumas revistas da época, que influenciaram seu caminho nas artes marciais:

 

acima, MESTRE HONG SOON KANG

 

Em 1976, aos 14 anos, começou a assistir na TV aos episódios do seriado Kung Fu, estreado por David Carradine, que ocupou o lugar de Bruce Lee. Estes episódios foram valiosíssimos para ele e o estimularam muito a seguir mais a fundo as Artes Marciais como um caminho para o desenvolvimento espiritual.

Aos 18 anos recebeu das mãos dos Mestres Myong Jae HanHEE SONG KIM e Hong Soon Kang, no Clube Juventus, em Curitiba, sua faixa preta 1o. Dan pela The Korea Taekwondo Oh Do Kwan. Já praticava Hatha Yoga coreano, e a partir daí, começou a ministrar aulas de defesa pessoal na Escola de Policia Civil e deu aulas na Academia de Policia Militar do Estado do Paraná.

Fundou o Instituto Cultural Vidya em Curitiba em 1980 com seu Mestre Hee Song Kim, que, com o tempo, passou por várias denominações até se transformar na Ordem Filosófica Mundial Vidya Yoga Ashram, respeitada e reconhecida no mundo, no seu próprio metier. Possui sua sede própria de 10.000m2 em Quatro Barras/PR, região metropolitana de Curitiba.

Foi convidado atualmente para fazer parte da Corte Brasileira de Juízes e Árbitros Eclesiásticos (CBJAE) em 2011 indicado pelo Prof. Dr. Ítalu Bruno Colares e do ilustre Dr. Ely S. Vidal, e passou a fazer parte do Tribunal de Justiça Arbitral e Mediação dos Estados Brasileiros, com sede em Brasília (DF).

Abaixo, o testemunho do Dr. Daniel de Carvalho, Comendador e Advogado. 

Clique aqui => Testemunho Dr Daniel 

 

Participou recentemente da 3a. publicação do livro GRANDES MESTRES DE ARTES MARCIAIS 2011, publicado pela Editora Bueno (SP), onde consta resumidamente sua biografia na página 48.


A vida do Mestre Uberto Gama, tem sido dedicada até o presente momento, à prática da Filosofia Oriental, à prática e estudo do VIDYA YOGA, do TAEKWONDO E HAPKIDO. Seu objetivo, assim como de todo bom mestre, professor ou educador, é transformar positivamente a vida das pessoas, desenvolvendo pessoas fortes e conscientes. Mestre Uberto não participou de campeonatos, apesar da insistência de alguns professores e mestres. Portanto, não possui títulos de campeão brasileiro ou paranaense; não ganhou taças ou troféus de torneios. Seu trabalho e sua missão é de mestre e preceptor, e fazer com que seus alunos superem a si mesmos. Já fez diversas viagens para o exterior, à Europa, Ásia e EUA.  Ministrou diversos cursos de Filosofia Oriental, prática e estudo do VIDYA YOGA, do TAEKWONDO E HAPKIDO, mas nunca com a intenção de formar atletas ou desportistas, e sim com o intuito de dar uma formação integral, com ética e comportamento disciplinado.

Foi convidado para ser colunista do JORNAL GAZETA DO POVO, em Curitiba, de 1985 a 1988, pelo diretor-presidente da Rede Globo Curitiba, Dr. Francisco Cunha Pereira Filho (in memorian), do qual tornou-se amigo e que o ajudou a abrir espaço para divulgação do seu trabalho. Graças ao Dr. Francisco Cunha, Mestre Uberto passou a ser mais conhecido em Curitiba e no Paraná.

Tem cinco livros escritos e publicados, e está trabalhando atualmente num livro filosófico-didático para as artes marciais. Fez diversas publicações na Revista Planeta, Revista Ano Zero e entre outras revistas e jornais.

Foi representou no Brasil durante muitos anos da WORLD UNIVERSITY (USA) tendo recebido o título de Delegado Chefe (Chief Delegate).

Na atual condição de Supremo Presidente da Ordem Filosófica Mundial,  hoje está em parceria com o Conselho Regional de Educação Física – CREF9/PR – onde prepara cursos para capacitação de profissionais e educadores físicos dentro da área de Yoga. Foi indicado em Março de 2012 para receber Medalha de Honra ao Mérito e Diploma em jantar de comemoração aos 10 anos de atividade do CREF/PR às personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do CREF/PR e da Profissional de Educação Física, em Santa Felicidade, Curitiba.

COM OS BONS AMIGOS DE INFÂNCIA

Orlando José Domanski

No corredor de sua casa, durante alguns anos, praticava junto com seu restrito grupo de amigos de escola, Orlando Domanski, Jeferson Pires, João Barbosa, Isaac Ramos Ferreira, Rubens Massuda. Em 1977 a filosofia oriental já estava desperta dentro dele.

Passou por um outro momento trágico em sua vida aos 15 anos de idade, quando um dos seus melhores amigos, Jeferson Pires, perdeu o pai e sua casa caiu. Seu amigo morava na divisa aos fundos da sua casa. Durante alguns anos, Jeferson Pires ficou morando na casa de Uberto. Todos os dias os dois praticavam Taekwondo.

Então com 16 anos de idade, no 1º ano do segundo grau, com
insistência conseguiu que sua mãe o emancipasse em cartório, e passou a viajar para as cidades de Maringá e Londrina, interior do Paraná, onde passou a fazer contato com outros dois grandes mestres, Myong Jae Han e seu irmão Kyong Soo Han, os quais o ajudaram muito, reconheceram sua força interior e espantaram-se com o nível técnico que atingira como autodidata, concedendo-lhe a faixa vermelha com preta. Passou a estudar Hatha Yoga Coreano e Taekwondo com estes mestres. Ao voltar para Curitiba, foi indicado pelo Mestre Myong Jae Han para praticar com outros dois mestres radicados na capital, o professor Joon-Ho Kim e o mestre Hong Soon Kang, na época, faixa preta 7º Dan em Taekwondo e Hapkido.

acima, JEFERSON PIRES.



Paralelamente ministrou aulas de defesa pessoal no Quartel da Polícia Militar junto com outros colegas de sua idade tendo o Mestre Hong Soon Kang 10.Dan como seu orientador. Fez demonstrações e praticou diversas técnicas. Praticou assiduamente e prestou seu exame de faixa vermelha-e-preta no Clube Juventus em Curitiba, tendo apoio de um amigo, Gilson, tendo passado com honras e medalhas por ter estudado sozinho e aperfeiçoado as técnicas.

Em seguida, em 1978, já aos 17 anos, entusiasmado viajou para Rio de Janeiro em busca de mais informações e cursos, instruído pelos mestres de Curitiba. Estudou com Mestre Kim também no Rio de Janeiro. Participou de um campeonato Sul-Brasileiro tendo conquistado o 2º lugar como peso médio-ligeiro. Conheceu, no mesmo ano, no Rio de Janeiro um indiano chamado Shri Pandit Paresh Nagendra, seu primeiro mestre que o iniciou oficialmente em Hatha Yoga. Formou-se então instrutor de Hatha Yoga e Raja Yoga naquele mesmo ano.

Logo depois, ainda no Rio de Janeiro, frequentou a Academia do Mestre Woo Jae Lee, Faixa Preta 8º Dan de Taekwondo e Hapkido durante algum tempo. Praticava também, paralelamente, Raja Yoga e Hatha Yoga e se preparava para o exame oficial de faixa preta 1º Dan. Freqüentou também a Academia do Professor Hermógenes, na rua Uruguaiana, 118, cobertura, praticando o Hatha Yoga. Passou a se corresponder mensalmente, tendo diversos livros autografados pelo ilustre professor. Nesta época, também preparava-se para o vestibular em Filosofia estudando em sua própria casa por não ter dinheiro para pagar os cursinhos na época.

Mestre Uberto Gama 7.Dan & Grão-Mestre Hong Soon Kang 10.Dan

Uberto aos 19 anos, comandou aulas de Taekwondo no SESC Centro, em Curitiba, e no Quartel da Policia Militar, PR acompanhado pelo Mestre Hong Soon Kang e Mestre Hee Song Kim.

(…)

Ao regressar para Curitiba, continuou seus estudos marciais tendo conquistado a graduação de faixa preta 1º Dan com apenas 17 anos, em 08 de Maio de 1979. Recebeu então seu diploma internacional de instrutor da The World Tae Kwon-Do Federation, Seoul, Coréia do Sul. No mesmo ano, fez curso para ser árbitro de campeonatos, tendo recebido também diploma da Federação Paranaense de Pugilismo, pois ainda não havia uma federação competente para gerenciar o Taekwondo e Hapkido no país. Foi convidado a inscrever-se como membro na Associação Internacional de Kung Fu, com sede em Uberaba-MG, para onde viajou e fez apresentações, inclusive para a imprensa local.

1979 – Com 17 anos de idade e sem dinheiro para fazer cursinho para prestar vestibular, deu seqüência em seus estudos na garagem da sua casa para o vestibular durante o ano inteiro. No mesmo ano de 1979, passou no vestibular e iniciou seu curso de Filosofia na Universidade Federal. Participou de vários cursos de extensão universitária. Paralelamente, freqüentou a Fundação Alvorada, em São Paulo, participando de quase todos os cursos de Filosofia Oriental onde conheceu pessoalmente o famoso Prof. Huberto Rohden, grande professor, teólogo e escritor brasileiro, nascido em Tubarão, Santa Catarina. Fez e refez duas ou três vezes o curso intitulado “O Espírito da Filosofia Oriental” do Prof. Rohden por ter sido o melhor e mais completo curso de Filosofia, melhor até que o curso da Universidade Federal. E mais tarde, baseou-se neste tema para fazer sua tese para graduação, concluída em 1983. A filosofia oriental estava cada vez mais enraizada fazendo parte do seu dia-a-dia.

Praça Ouvidor Pardinho

Tomou a iniciativa de procurar a Prefeitura de Curitiba e buscou dar aulas de Taekwondo em diversos locais em Curitiba e litoral do Paraná.  Foi na Praça Ouvidor Pardinho, em Curitiba, após conseguir aprovar seu primeiro convênio da vida com a coordenação de Educação Física, passou a ministrar aulas todos os sábados para um grupo de alunos que, em pouco tempo, cresceu muito. O grupo que praticava começara com amigos e, mais tarde, cresceu com convidados, alunos, e os próprios professores da praça.  Após esta empreitada, foi convidado para dar algumas aulas de defesa pessoal na Escola de Polícia Civil, na Vila Izabel, e, mais tarde, foi contratado como terceirizado da Secretaria de Segurança Pública, para ser lotado na Escola de Polícia Civil.

Um dos Grupos da Polícia Civil, quando o Prof. Uberto Gama ministrava aulas. Mas o ano de 1979 foi o ano mais importante de sua vida profissional e espiritual, pois passou a conhecer o seu verdadeiro Guru, Mestre Hee Song Kim, conhecido como Mestre Song ou Swami Vyaghrananda. Entretanto, não havia tido o entendimento real do que era ter um mestre, porque paralelamente Uberto estudava com outros mestres e professores, entre eles, o Prof. Hermógenes e o Prof. DeRose.

Estimulado então pelo Mestre Song (Shri Swami Vyaghrananda Bhagwan), Uberto passou a frequentar a sua casa no bairro do Bacacheri em Curitiba, junto com os estudantes Dr. Gilberto Andrade, Orlando Freitas, Magda Lemos, Carlos Almeida entre outros, assistindo as palestras e os Darshans que o Mestre transmitia. Uberto chegou a ganhar um livro que mencionava o RAJA VIDYA YOGA como um ramo antigo de Yoga citado no Bhagavad Gita, e o próprio Bhagavad Gita original em duas versões: a do Swami Prabhupada e do indiano Vanraj Bhatya.

 (…)

Prof. De Rose em 1978

Prof. De Rose em 1978

Mas, ainda em 1979, Uberto travara seu primeiro contato com o Instituto Brasileiro de Yoga (IBY) e com a União Nacional de Yoga (UniYoga) no Rio de Janeiro. Apesar de estar praticando e estudando com diversos mestres, de artes diversas, continuou estudando com os mesmos e, gostando da proposta da União Nacional de Yoga (Uni-Yoga), afiliou-se como membro experimental. Estas duas entidades, IBY e UniYoga tinham propostas muito boas, na ocasião, cujo objetivo era a congregação de todos os professores e instrutores de Yoga do Brasil, independente de linha. E isto chamou a atenção de Uberto descobrindo que o diretor destas entidades, o então Prof. De Rose, era um dos organizadores do Curso de Formação de Professores de Yoga da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais de Curitiba, atualmente Faculdade de Ciências Biopsíquicas do Paraná. Isto o motivou a procurar a referida faculdade para obter informações e inscrever-se também. Lá conheceu vários bons professores como Neuva Ribeiro, Rosa Montesserat Fernandes, entre outros, e o casal Neida e Otávio, diretores da faculdade.

Somente em 1982 conheceu pessoalmente o Prof. DeROSE e filiou-se à UniYoga, permanecendo lá até 1987. Em seguida desligou-me por motivos pessoais e por não concordar com a política interna. Passou a seguir oficialmente com o Mestre Hee Song Kim (Swami Vyaghrananda) que passou a ser seu orientador desde então.

Uberto encontrara um livro muito bom, intitulado “Prontuário de Yoga Antigo”, do então Prof. De Rose, em uma das suas primeiras edições, onde citava o RAJA VIDYA YOGA, como A Sublime Ciência, na página 30. Então, em 1980, Uberto prestou um outro vestibular só que agora em Yoga na Faculdade de Ciências Biopsíquicas, mantida pela Faculdade Espírita do Paraná e já estava cursando Filosofia na Universidade. Sua intenção era aprofundar-se mais no Yoga, uma vez que já era instrutor de outras modalidades. Contudo, o curso de Yoga oferecido na época não tinha um conteúdo suficiente para o que desejava. Então Uberto desistiu de concluir e abandonou o curso de Yoga no 2º ano.

(…)

SHRIMAD BHAGAVAD GITA, canção 9: Raja-Vidya-Rajaguhya Yoga = “Yoga do Conhecimento Real e Confidencial”.

(…)

Prof. Jean Pierre Bastiou

Prof. Jean Pierre Bastiou

Prof. Jean Pierra Batiou quando ministrava aulas de Hatha Yoga na Faculdade Espírita.

Em 1980, Uberto trabalhava no Banco BAMERINDUS do Brasil, onde foi bancário por 3 anos. Neste período, casou-se pela primeira vez.  Estudou também com o francês Prof. Jean Pierre Bastiou, que foi discípulo direto de Swami Sivananda, e professor de Educação Física, além de conquistar dois títulos importantes: Mister França, em 1948, e Mister Universo, em 1950.  Nesta ocasião, o Prof. Bastiou ministrava aulas de Hatha Yoga e Sat Sanghas na Faculdade Espírita do Paraná. O Prof. Jean Pierre Bastiou foi (e é) um grande mestre.

Uberto conheceu alguns bons professores na época, e também teve aulas com a Profª Monserrat Fernandes, Profª Maria Alvim Veiga, e Profª Neuva Ribeiro, mulheres maravilhosas e de exemplo de vida, docentes da Faculdade de Ciências Biopsíquicas do Paraná e membros da AYPAR (Associação de Yoga do Paraná), as quais sempre deram grande apoio a Uberto. Desde aquela época, o curso de Yoga da Faculdade Espírita sempre foi um curso livre e apenas autorizado pelo MEC, mas não reconhecido. Assim mesmo, Uberto continuou no caminho do Yoga.

Swami Vyaghrananda Pashupati Bhagwan

Swami Vyaghrananda Pashupati Bhagwan

 

 

Swami Vyaghrananda Pashupati Bhagwan, aquarela pelo artista Shri Prakash – encomendado pela Mestra Elisabeth Yamada na Índia.

 

Motivado pelo Mestre Hee Song Kim (Swami Vyaghrananda Bhagwan), Uberto Gama decide fundar o INSTITUTO CULTURAL VIDYA. Mas Uberto ainda permanecia vinculado à União Nacional de Yoga – Uni-Yoga, do Prof. DeROSE.

Juntamente com sua primeira esposa, Elizabeth Cruz e um amigo de adolescência, Vandertone Santos Machado, instrutor de Taekwondo, Uberto ampliou os recursos do INSTITUTO CULTURAL VIDYA ministrando cursos, palestras e outras atividades. Entretanto, Uberto ainda não havia se definido oficialmente discípulo do Mestre Swami Vyaghrananda, apesar de ter seu apoio e suporte constantemente. A inspiração de fundar uma instituição com o nome de Instituto Cultural Vidya teve como objetivo homenagear a linha RAJA VIDYA YOGA, mencionada no Bhagavad Gita, e a intenção era dar uma formação integral do ser humano.

UNIYOGA – Uberto mantinha-se afiliado à UNI-YOGA desde 1979, apresentando suas credenciais como Instrutor de Hatha Yoga, pois queria um respaldo. Por exigência do regulamento da UNIÃO NACIONAL DE YOGA, quem quisesse se tornar uma unidade credenciada e constar na lista de divulgação feita em revistas e publicidade deveria registrar os seus estatutos segundo modelo da própria UniYoga. E foi o que Uberto fez. Em seguida, buscou os cursos de extensão universitária de formação de instrutores que eram ministrados pelo Prof. DeROSE. Fez avaliações no Paraná (primeiro), depois Santa Catarina, São Paulo e Porto Alegre tornando-se também Instrutor de Swásthya Yoga. Seu exame oficial deu-se na UFPR – Universidade Federal do Paraná, no Departamento de Educação Física, onde o coordenador na época era o Prof. Félix D’Avilla, e o ministrante do curso de extensão fora o Prof. DeROSE.

Paralelamente, Uberto levava outras atividades e estudava o Hatha Yoga e dedicando-se ao Bhagavad Gita, pois não sentia interiormente que o Swásthya Yoga preencheria a sua vida. Mas tudo na vida tem um sentido kármico e um ensinamento. Assim, tanto o Swásthya Yoga, como Hatha Yoga e o Raja Yoga foram degraus importantes para que descobrisse que seu verdadeiro caminho seria outro.

Mestre Uberto Gama 7.Dan & Mestre Song Un Kim 9.Dan

Seu trabalho com o INSTITUTO CULTURAL VIDYA foi bastante ativo: ministrou diversas palestras na Câmara Municipal de Curitiba, Assembléia Legislativa do Paraná; deu palestras e aulas no Rotary Clube, no SESC, SENAC, Guatupê, Escola de Polícia Civil, Palácio Iguaçu, etc. Fez apresentações em programas de televisão, inclusive com seus amigos e alunos; auxiliou seus professores (Mestre Kang e Mestre Kim); deu entrevistas, ministrou cursos em diversas cidades, tais como Cascavel, Toledo, Maringá, Apucarana, Foz do Iguaçu, Rondonópolis, Presidente Prudente, São João da Boa Vista, entre outras, divulgando insistentemente a Filosofia Yogi e as Artes Marciais. O INSTITUTO CULTURAL VIDYA estava muito promissor, com quase 220 alunos, com aulas das 6:30h da manhã até as 22:00h.

A primeira sede do INSTITUTO CULTURAL VIDYA foi instalada na Avenida Marechal Floriano Peixoto, 276, sala 13, em frente à sede matriz da Caixa Econômica Federal, onde também ministrou aulas e cursos de gerenciamento de stress naquela instituição bancária.

Na ocasião, Uberto também recebeu um ofício da então Professora Neuva Ribeiro, diretora do Curso de Yoga da Faculdade Espírita para que Uberto fosse o coordenador do estágio de alguns estudantes que finalizavam o curso.  Nesta ocasião, Uberto ministrava vários tipos de Yoga sem definir claramente qual era a sua linha.  E concedeu o espaço do seu Instituto para colaborar com a Faculdade Espírita na orientação dos estagiários.

Paralelamente, Uberto mantinha contato com outros mestres de Yoga e artes marciais, com objetivo de intercâmbio cultural, tais como Swami Gitananda (Pondicherry, India) e, especialmente com SWAMI VYAGHRANANDA BHAGWAN. 

A pedido do Sw. Vyaghrananda Bhagwan e do ilustre Dr. Krishna Kishore Das, então presidente fundador do Vishwa Unnyayan Samsad (VUS), em New Delhi, India, Uberto Gama manteve contato direto com Swami Gitananda, o qual lhe transmitiu diretamente os ensinamentos da Ciência dos Mudrás, em Pondicherry, India. Atualmente o VISHWA UNNYAYAN SAMSAD – VUS – está sob outra denominação (Vishwa Dharma Samsad), após ter passado algum tempo de luto após o falecimento (Mahasamádhi) do ilustre Mestre Dr. Krishna Kishore Das.

Mestre Byung-Il Lee & Mestre Uberto Gama

 

WORLD OPEN 2011 TAEKWONDO & HAPKIDO

REALIZAÇÕES NO CAMINHO

1982 – Casou-se muito cedo pela primeira vez com Elizabetth Cruz, filha do Tenente Nilson Cruz, Oficial da Polícia Militar do Paraná. Seu casamento durou pouco mais de dois anos numa convivência de quase cinco anos.

1982 – Ministrou treinamentos ao ar livre no Parque Barigui, em Curitiba. Conheceu Algacy Tulio, quando estava elegendo-se vereador na cidade.

Uberto, faixa preta, realizando chute lateral voador com os dois pés no colega Wandertone Machado. Na foto, ao fundo sentados: à esquerda, Issac Ramos Ferreira, faixa verde, e à direita, Jeferson Pires, faixa azul. Mais tarde, Jeferson Pires chegou à faixa vermelha e se preparava para a faixa-preta, mas não deu sequência e os amigos, por algum motivo, separaram-se, e voltaram a se encontrar novamente anos mais tarde.

Uberto, faixa preta, realizando chute lateral voador com os dois pés no colega Wandertone Machado. Na foto, ao fundo sentados: à esquerda, Issac Ramos Ferreira, faixa verde, e à direita, Jeferson Pires, faixa azul. Mais tarde, Jeferson Pires chegou à faixa vermelha e se preparava para a faixa-preta, mas não deu sequência e os amigos, por algum motivo, separaram-se, e voltaram a se encontrar novamente anos mais tarde.

 

1983 – TRABALHOS – Trabalhou na Clínica de Reabilitação do Alto da XV e na Clínica de Fraturas da XV, tendo como seu chefe e padrinho de seu primeiro casamento, Dr. Antonio Osny Preuss, ministrando aulas de Relaxamento Yogi nas pacientes de Fisioterapia e Ortopedia. No mesmo ano concluiu o curso de Filosofia.

1984 – Divorciou-se neste ano de Elizabeth Cruz e, em seguida,  conheceu ELISABETH YAMADA, com a qual, um ano depois casa-se e iniciam uma bela jornada dentro do Yoga durante quase 21 anos.

1984 – Em 1984, aos 22 anos, Uberto já estava escrevendo uma coluna para o Jornal Gazeta do Povo em Curitiba, a convite do diretor-presidente, Dr. Francisco Cunha Pereira Filho (in memorian) e também para o jornal O Estado do Paraná, a convite do Dr. Paulo Pimentel. Foi também colaborador de diversas revistas e jornais falando sobre Hatha Yoga, Raja Yoga e Swásthya Yoga. Oficialmente, desde 1984, Uberto estava vinculado à União Nacional de Yoga e ao Prof. De Rose.

1986 – AMIZADES E CONTATOS – Neste ano, conheceu vários médicos e terapeutas, passando a atuar com mais profundidade na área da MEDICINA COMPLEMENTAR. Passou a ter um relacionamento cordial e amigo com os seguintes médicos e profissionais da saúde: Dr. José Joaquim Oliveira Monte (psiquiatra), Dra. Delly Brandão (homeopata), Drª Ivani Carollo (psicóloga clínica), Dr. José Angelo Gaiarsa (psiquiatra), Dr. Leocádio Gonçalves (psiquiatra), Dr. Fauzi Yassin (naturopata), Mestre Hong-Soon Kang, Dr. Onofre França Neves (psicólogo), Dr. Nagao Shimoishi (fisioterapeuta e oficial da Polícia Militar), entre tantos outros.  Deu aulas de Yoga para alguns e com outros trabalhou ministrando cursos.

Entrega de homenagem ao amigo, Grão-Mestre KANG

 

1986 – Neste ano, organizou instalou seu primeiro curso de Massoterapia na Universidade Federal, na Reitoria, e foi o organizador de sucesso de um curso de extensão universitária para Formação de Instrutores de Swásthya Yoga para o Prof. DeROSE, na Universidade Federal do Paraná (UFPR), dentro do Centro Politécnico, no Departamento de Educação Física. O coordenador do departamento foi, na época, o Prof. Felix Dávila, e o funcionário executivo da UFPR, Prof. Gláucio Almeida, da Pró-Reitoria. Uberto recebeu certificado de professor-assistente da UFPR como organizador e coordenador do evento que matriculou 98 inscritos. Neste mesmo ano, realizou as provas para formação de instrutor em Swásthya Yoga e se tornou discípulo do Prof. De Rose. Uberto também frequentou vários cursos ministrados pelo Prof. DeROSE, na época, nas Universidades Federal do Paraná, Federal de Santa Catarina, PUC do Paraná, PUC de Porto Alegre e Bahia, sempre intencionando buscar mais conhecimentos e aperfeiçoar-se no Yoga. O nome de Uberto Gama consta da 10ª edição do livro “Prontuário de Yoga Antigo” (Swásthya Yoga), do Prof. De Rose, na página 205, como Núcleo Credenciado pela Uni-Yoga. Participou também de diversos Congressos Brasileiros de Yoga, de diversas linhas no Brasil, e ministrou palestras e cursos para diversos instrutores de Swásthya Yoga e Hatha Yoga.

1987 – Nasce seu primeiro filho, YESUDIAN, no dia 24 de junho, no Hospital e Maternidade do Dr. Moysés Pacyornik, atendido pelas queridas médicas Dra. Delly Scarinci e Dra. Mirian. Uberto estava com 25 anos.

1987 – PRIMEIRO LIVRO – Publicou seu primeiro livro independente intitulado MUDRÁS: GESTOS MAGNETICOS DO PODER. A edição foi própria e teve apenas mil exemplares publicados. Foi o primeiro livro sobre o assunto escrito no Brasil. Quase um ano depois, outros autores publicaram seus livos no Brasil. A dedicatória foi feita ao Prof. DeROSE, como seu mestre, na época, e o prefácio foi escrito pelo próprio Prof. DeROSE. Entretanto, infelizmente o livro não deslanchou por ter sido boicotado politicamente no próprio metier do Yoga. Contudo, esta obra foi a primeira e a mais modesta a ser publicada sobre Mudrás no país. Posteriormente vieram outros livros de outros autores. Com este livro, ministrou alguns cursos na UNI-YOGA, tendo alguns instrutores participando do seu curso como Pedro Kupfer, Arlete Becker, Inez Parente, Valcy Tormena, Marilene Pinho, Anderson Alegro, entre outros.

1987 – Ainda no mesmo ano, retomou contatos com um antigo amigo de seu pai, Dr. Ruy Miranda, médico e cientista da UFPR, um dos principais pesquisadores da Tuberculose (Instituto Fundação Pró-Hansen), que lhe apoiou em palestras e cursos.

1987 – A Câmara Municipal de Curitiba decretou e o Prefeito Roberto Requião de Mello e Silva sancionou a Lei de Utilidade Pública para o INSTITUTO CULTURAL VIDYA, uma conquista para o futuro Vidya Yoga Ashram.

1988 – No final do mesmo ano e início de 1988, devido a muitas divergências filosóficas com alguns membros mais antigos da União Nacional de Yoga, especialmente em Curitiba/PR, e com algumas discordâncias de pensamento com o Prof. DeROSE, Uberto Gama requereu formalmente seu desligamento da UNI-YOGA, conforme consta documento em nossos aquivos e nos arquivos da prórpai UNI-YOGA. (…) Então, no mesmo ano, fez definitivamente, o pedido oficial para se tornar discípulo de Swami Vyaghrananda, o qual lhe aceitou sem ressalvas, pois o relacionamento de ambos já existia há muito tempo apenas como professor e aluno. Começa, então, o trabalho dedicado exclusivamente para uma única linha: RAJA VIDYA YOGA. Prof. Uberto recebe o guru-parampará diretamente de seu mentor, Swami Vyaghrananda e inicia os trabalhos.

1988 – Foi convidado para participar do Congresso Mundial de Medicina e Terapias Complementares em Curitiba, quando ele e a Profa. Elisabeth Yamada receberam o Diploma de Honoris Causa em Medicina Complementar pela Fundação de Medicinas Complementares e Ciências Afins, Universidade da Colômbia e ONU. Uberto também tornou-se membro honorário do Philosophic Center of Kung Fu, em Beijing, na China, tendo feito convênio, na época, com o Departamento de Língua Portuguesa de Beijing (documento em nossos arquivos). Uberto foi indicado pela primeira vez ao AMERICAN BIOGRAPHICAL INSTITUTE e ministrou diversos cursos de Yoga em todo o território brasileiro e no exterior. (…) Ainda em 1988, Uberto instalou outros Cursos de Formação em Massoterapia na UFPR, Centro Politécnico e Reitoria, aprovado pelo Conselho de Ensino e Pesquisa.  No mesmo ano, a convite do então Dr. Nagao Shimoishi, fisioterapeuta e Major da PMPR, ministrou um curso dirigido aos estudantes de Fisioterapia da Faculdade Tuiuti do Paraná, hoje, UNIVERSIDADE TUIUTI. No mesmo ano, Uberto Gama passou a divulgar o seu nome iniciático, assim como outros estudantes como Dr. Gilberto Andrade, Profª. Andréa Gonzalez, Dr. Rodny A. Daniel, Dr. Ernest Johnson entre outros, que também receberam seus nomes iniciáticos e a titulação de Yogacháryas e Yogarishis. No Brasil, ficaram responsáveis 3 pessoas: Mestra Elisabeth Yamada, Mestre Uberto Gama e Mestre Gilberto Andrade, nesta ordem.

1989 – Como membros e alunos do Vidya Yoga, os juízes Dr. João Kopitowski, então Juiz de Direito do Tribunal do Júri, Dr. Jonny Campos Marques, Juiz do Tribunal de Alçada, e Dr. Sigurd Bengtsson, Juiz de Direito, indicaram a Ordem Vidya Yoga à Secretaria Geral da Presidência da República para receber título de Utilidade Pública Federal. Foram feitas declarações de idoneidade moral ao Mestre Uberto assinadas pelos próprios Juízes.

1990 – Criou o Jornal do Ashram, com tiragem de 1000 exemplares, na época. O jornal ficou em circulação de 1990 até 1994. Nesta época fez entrevistas com quase todos os professores e mestres de Yoga no Brasil e algumas autoridades do exterior. Teve o prazer de conhecer B.K.S. Iyengar que lhe concedeu uma entrevista ao Jornal do Ashram. Realizou entrevistas com Prof. Hermógenes, Prof. DeROSE, entre outros.

1991 – Recebeu os títulos de Doutor em Sacred Philosophy pela World University Roundtable (USA) e Doutor em Educação em Yoga pelo Vishwa Unnyayan Samsad (INDIA).

1992 – Foi um ano dos convênios. Realizou contato com diversas instituições mundiais, especialmente na Índia e Estados Unidos. Firmou convênio com a International Yoga Coordination Centre vinculada ao Institute of Bombaim, para Homeopatia, Naturopatia, Yogaterapia. Conveniou-se também ao Anthroposophical Society of America, em Illinois, USA.  Manteve contato em SP, Miami e França com o Mestre Rodny Daniel, do Institute des Affaires Internationales.

1993: Realizou um evento denominado 100 Anos do Yoga na América, no Centro de Convenções de Curitiba, paralelo ao Congresso Mundial de Medicina e Terapias Complementares. Inspirou-se na Conferência Americana de Yoga, na Califórnia.

… Ministrou aulas na Academia Policial Militar do Guatupê, a convite do Gabinete do Comando, na época. Tornou-se membro honorário do International Association of Yoga Therapists (IAYT – USA), instituição dirigida pelo Prof. Larry Payne.

1994 – Uberto Gama e Elisabeth Yamada, inspirados nas idéias do Mestre Song (Swami Vyaghrananda), fizeram então a recodificação do Raja Vidya Yoga e apresentaram sua tese intitulada “ARTE, FILOSOFIA E TÉCNICA DO VIDYA YOGA”, ao Vishwa Unnyayan Samsad, New Delhi, Índia, recebendo votos de louvor pelo trabalho, e títulos honoríficos de BRAHMARISHI, YOGARISHI e MAHA AVATAR, documentados através de diploma das mãos do Mestre Shri Krishna Kishore Das, tendo sido o primeiro trabalho de codificação do Raja Vidya Yoga apresentado ao Parlamento Mundial do Yoga no mundo. Os manuscritos e impressos deixados e comentados por Swami Vyaghrananda, assim como as transmissões espirituais auxiliaram profundamente na recodificação do Raja Vidya Yoga. Recebe nova confirmação à titulação de mestre. Título de Mestre Vidyoga Rishi. O documento encontra-se em nossos registros, com tradução juramentadas e registrado em cartório de titulos e documentos.

No mesmo ano, Uberto recebeu em Buenos Aires, Argentina, o Prêmio Loto
D´Oro,
na condição reconhecida pela Mestra Indra Devi, Profª Marta Cualioti e Prof. Jorge Spinosa.

1994 a 1995 – Ministrou palestras de Vidya Yoga na PUC – Pontifícia Universidade Católica do PR, sendo professor convidado pelo coordenador do curso de Teologia para ministrar aulas sobre HINDUÍSMO E YOGA.

… instalou a sede do seu primeiro Ashram, o VIDYA YOGA ASHRAM em Campina Grande do Sul, PR, numa área de 12.000 metros quadrados junto com Mestra Elisabeth Yamada.

1995 – Ainda no mesmo ano ministrou diversos cursos de formação em Massoterapia Indiana e Ayurveda, graduando diversos alunos importantes, entre eles médicos e fisioterapeutas. Ministrou seu primeiro Gurukula de 30 dias intensivos na praia de Guaratuba, PR, com aproximadamente 28 estudantes em regime de residência atingindo grande sucesso.

1996 – Convidado para proferir palestra na África do Sul, no Parlamento Mundial das Religiões . Convite feito por carta pelo Reverendo Antony Lovelace.

… – Ainda no mesmo ano, realizou diversos convênios internacionais por considerar importantes para o Vidya Yoga Ashram. Entre os muitos convênios e parcerias, firmou com: Instituto Vida Natural e Open International University, Comitê Científico Internacional Associativo de Medicinas Ancestrais, Institute des Affaires Internationales (França), Instituto Dr. Manoel Londoño (Colômbia), Indian National Delegation of World University (India), WHO (World Health Organization), Ananda Ashram (Pondicherry, India, com o Mestre Swami Gitananda Giri), entre outros.

1996 – MEMBROS HONORÁRIOS – Recebeu como membros honorários do Vidya Yoga Ashram e expediu diplomas, com apoio e autoridade do Vishwa Unnyayan Samsad, em New Delhi, Índia, as seguintes autoridades: Drª. Rosa Perla Gamarra de Gallgher (Secretaria de Saúde do Paraguay), Dr. João Kopitowski (Juiz de Direito, Desembargador), Drª. Delly Brandão (médica), Mestre M. S. Vishwanath (Yogi), Dr. Ruy Miranda (médico), Dr. Jules Roger Sauer (Gemologista), Prof. José Hermógenes (Yogi), Dr. Ezequiel Castilho (terapeuta), entre outros.

1997 – Recebeu votos de congratulações do então Ministro de Estado da Fazenda, Dr. Rubens Ricupero, referindo-se ao trabalho do Vidya Yoga.

1999 – Recebe carta-convite confirmando a indicação e sua aprovação no curso de Psicologia e Estudo da Consciência Humana, o qual não acabou participando, na John F. Kennedy University. Carta enviada por Dr. Michael McDowell, vice-reitor.

(…) No mesmo ano articulou e estabeleceu o CONSELHO SUPERIOR DE RISHIS do qual participaram 9 membros: Mestra Elisabeth Yamada (Shri Kamala Devi , Brasil), Mestre Uberto Gama (Shri Swami Vyaghra Yogi, Brasil), Mestre Arjuna Bhat (Índia), Mestre Kshava Das (Índia), Mestre Rodny A. Daniel (França), Mestre Eugenio Lanzuollo (Itália), Mestre Richard Mueller (EUA), Mestre José Cabrera (Argentina) e Mestra Andréa Gonzalez (Uruguai).

…Paralelamente, Uberto viajou para vários congressos nacionais e internacionais de Yoga e Artes Marciais, frequentou cursos e manteve contato mais estreito com o Dr. Howard John Zitko, então presidente e reitor da World University, em Benson.

2000 – Recebe ofício do Consulado Geral da Índia declarando que esta representação do Governo Indiano sente-se honrada em prestar apoio à Ordem Vidya Ashram que promove e divulga o Raja Vidya Yoga e o Hinduísmo. Diploma da Venture Trading Partners, do Institute des Affaires Internationales, França, por Dr. Gerard Trussel.

2002 – Emitido Diploma de 4º Dan em Tae Kwon-Do e Hapkido da Independent Martial Arts Federation, USA.

2005 – Inicia uma nova fase da Ordem Vidya Ashram, tendo o Mestre Uberto Gama assumindo oficialmente a Suprema Presidência da Congregação e passando a utilizar oficialmente seu nome iniciático (Shri SWAMI Vyaghra Yogi).

2006 – Projeto complementar do Vidya Ashram – Começam os estudos complementares para construção da II Etapa do Vidya Yoga Ashram, totalizando 810m2 numa área de 10.000m2 em Quatro Barras, PR. Ergue-se o Templo de Shiva no Vidya Ashram, trazendo uma maravilhosa estátua de mármore de 1,80m e com 350kg da Índia, esculpida por artistas indianos.

2007 – Nasce seu segundo filho, Mohan, em 23 de Junho, no Hospital e Maternidade Santa Brígida, em Curitiba, trazendo-lhe mais fôlego e energia para viver. Uberto já estava com 45 anos.

2007 – Foi indicado mais uma vez para a inclusão do seu nome no American Biographical Institute – A.B.I., nos USA. A publicação do livro fei feita em meados de 2008 e o certificado emitido. Documentos constam em nossos arquivos.

Atualmente ministra cursos e palestras pelo Brasil e exterior; formou dezenas de instrutores, em diversas linhas de Yoga, principalmente em Vidya Yoga, Raja Yoga, Asana Yoga, Tantra Yoga, Bhakti Yoga, os quais estão espalhados pelo Brasil e exterior. Muitos instrutores permaneceram na Ordem Vidya Yoga, mas alguns desfiliaram-se da Ordem Vidya e seguiram seus caminhos. Os que desligaram-se por falta de protocolo – nao informam que estudaram com o Mestre Uberto Gama. Vários instrutores estudaram e tiveram sua formação diretamente com Uberto Gama.

Mestre Uberto Gama tem se dedicado a fazer, nos ultimos anos, aconselhamentos e dar orientação espiritual. Como autor independente, Uberto tem escrito livros didáticos, filosóficos e educacionais com intuito de dedicar-se a transmitir a Filosofia do Raja Vidya Yoga em seu Ashram, em Quatro Barras, PR, juntamente com sua atual esposa, ADRIANA CHIQUETTO, recebendo alunos e discípulos de diversas cidades brasileiras; UBERTO tem se dedicado a ensinar a crianças e jovens do Vidya Yoga; tem ministrado práticas Tântricas e Yogis para seus discípulos; tem preparado novos instrutores-missionários e prepara a formação e novos mestres.

2008 – … ministra aulas e treinamentos de Taekwondo, Hapkido e Vajramushti e práticas avançadas para seus Instrutores seu Ashram em Quatro Barras/PR.
No mesmo ano, recebeu convite para receber prêmio em Nova Delhi, Índia, com título“Lotus Golden Trading Partners” em Janeiro-2008. Mestre Uberto Gama foi convidado para receber o prêmio “HINDU RATTAN AWARD”, no ultimo dia 24/01/2008 en New Delhi, Índia, na ocasião do 27º Congresso Internacional de Welfare Society of India.

Mestre Uberto Gama tem formado, graduado e ordenado novos instrutores de Vidya Yoga; dá supervisão filosófica e espiritual para todos os seus discípulos; além disso, prepara novos candidatos para Mestrado; transmite diversos Samskáras (sacramentos) o ano inteiro no Vidya Yoga Ashram.

Uberto tem o registro de profissional de Educação Física concedido pelo Conselho Federal de Educação Física (14.394 CREF-PR).

2011 – Concretizou o Instrumento de Mútuo Apoio e Cooperação Técnica n.01/2011, com o Conselho Regional de Educação Física – 9a. Região PR – através do amigo Prof. Antonio Eduardo Branco, e com apoio do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), através do Prof. Jorge Steinhilber, seu presidente, que compreendeu a importância da relação do YOGA com a EDUCAÇÃO FÍSICA. Cada profissão na sua área de atuação, mas ambos ajudando-se mutuamente na construção da juventude brasileira.

No mesmo ano, Mestre Uberto recebe em Novembro, Certificado GOLDEN STATUS, da Secretaria Nacional de Desportos dos Estados Unidos, assinado pelo Presidente Barak Obama. (ver certificados internacionais).

2011 – Recebe o GOLD AWARD FITNESS – Mr. BARACK OBAMA – President of the United States. Recebeu vários premios no mesmo ano: Reconhecimento Diploma de Faixa Preta 5. Dan em Hapkido e 5. Dan em Taekwondo, emitido pelo Grão-Mestre Hong Soon Kang (10.Dan – BRASIL), pelo Grão-Mestre John Pellegrini (9.Dan – EUA).

2011 – Recebeu oficialmente o seu registro como Psicanalista através do Sindicado dos Psicanalistas do Brasil sob registro numero 851/11. Mestre Uberto Gama comemorou seus 30 anos de magistério ensinando Yoga e Artes Marciais.

2012 – Participou do Seminário Internacional de Hapkido SINMOO, em Juiz de Fora/MG, organizado pelo Mestre Fernando Ribeiro, presidente da Confederação Brasileira de Sinmoo Hapkido, e ministrado pela autoridade mundial, Pai do Hapkido, Grão-Mestre JI HAN JAE, 10.Dan. homem que constracenou com BRUCE LEE, no filme “Game of Death” ( Jogo da Morte ).

Mestre Uberto Gama 7o.DAN, e Grão-Mestre JI HAN JAE 10.Dan

 


BRIEF RESUMÉ

Grão-Mestre Presidente da Ordem Filosófica Mundial Vidya Yoga Ashram – Juiz Arbitral, Mediador e Conciliador registrado na Corte Brasileira de Justiça Arbitral (Brasil); Mestre em Yoga pala União Latino Americana de Associações e Federações Nacionais de Yoga; — Faixa-Preta 7o. Dan – Hapkido Song Do Kwan;  – Doutor Honorário em Filosofia da Educação World Development Parliament (INDIA); – Membro Consultor Honorário Institute des Afffaires Internationales (FRANÇA);  – Faixa-Preta 4o. Dan em Hapkido – World Kido Federation (USA/KOREA);  – Chanceler World Legal Status – Vishwa Unnyayam Samsad (INDIA); – Ex-Instrutor de Defesa Pessoal da Escola de Polícia Civil (PARANÁ);  – Prêmio Active Life Style Award Presidente Barack Obama (USA);  – Doutor Honoris Causa em Educação Física – University of Cambridge (UK);  – Menção Diploma UNESCO Paz e Não-violência (FRANÇA);  – Faixa-Preta 5o. Dan em Hapkido/Taekwondo  (USA/KOREA);  – Faixa-Preta 5o. Dan Taekwondo Estilo Chang Moo Kwan (KOREA);  – World Martial Arts Alliance  Style Song Do Kwan Reg. 
322.901;  – Mestre Membro Honorário do Hinduism Today Sat Sangha (INDIA);  – Conselho Mundial de Vidya Yoga CMY 210653/94;  – Profissional de Educação Física CREF 14.394-P/PR;  – Prêmio Lotus Golden Trading Partners (INDIA); – Prêmio Lotus de Ouro (ARGENTINA);  – Psicanalista SINDPSI 851/11
secretaria-geral@vidyayoga.org 

SITE OFICIAL DA ORDEM FILOSÓFICA MUNDIAL VIDYA YOGA ASHRAM
Sede Mundial: R. José Rodrigues Fortes, 579 - Quatro Barras - PR (Veja Mapa) - Fone: (41) 3672-3712 - secretaria@vidyayoga.org